Violência às mulheres em tempos de quarentena - Rede de apoio em Uberlândia

rede de apoio

Visando orientar mulheres que estão convivendo, ainda mais, com seus agressores durante a quarentena, seguem algumas orientações referente aos órgãos que compõe a rede de enfrentamento à violência às mulheres em Uberlândia, nos quais a vítima pode buscar auxílio.

Em Uberlândia – MG, a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher - DEAM está funcionando apenas para casos de extrema urgência (como lesão corporal, tentativa de feminicídio e estupro). O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Endereço: Avenida Nicomedes Alves dos Santos, nº 727. Telefone: (34)3210-8304. No mesmo complexo, funciona o CIM - Centro Integrado da Mulher / Casa da Mulher que atendem pelo telefone (34) 3231-3756.

As delegacias comuns estão funcionando em modo plantão e flagrantes.

A Polícia Militar também pode ser acionada. Em caso de flagrante, as vítimas podem solicitar na própria delegacia a implementação de medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha. O pedido é encaminhado diretamente ao Ministério Público. Aqui em UberlÂndia a PM-MG conta com a prestação de serviços da PPVD (Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica), contato através dos números: (34) 99968-5878 ou (34) 99639-6932. A PPVD funciona de segunda à sexta, das 09hs da manhã às 15:30hs da tarde.
Nos casos de estupro, a vítima será encaminhada primeiramente à Medicina (Hospital da Universidade Federal de Uberlândia) e posteriormente à Delegacia da Mulher. Lembrando que na Universidade funciona o projeto NUAVIDAS - Núcleo de Atenção Integral à Violência Sexual, que atende pelo número (34) 3218-2157 

A prefeitura de Uberlândia também possui o aplicativo para celular “Salve Maria”, no qual a vítima clica no “Botão Pânico” e envia uma solicitação para as autoridades em caso de violência contra a mulher. E também existe a opção “Denúncia”, no qual a pessoa pode enviar informações sobre agressões físicas ocorridas com ela mesma ou com alguma pessoa que ela tenha conhecimento.

E a nível nacional, o disque denúncia 180 está funcionando normalmente, 24h por dia. Ligando 180, a pessoa pode fazer denúncias, e também receber atendimento e orientações sobre violência doméstica.

Para mais informações e orientações, disponibilizamos nossas redes sociais para que mandem mensagens, tanto em nosso instagram quanto em nosso facebook, ou Whatsapp (34) 99876-7862 / (34)99636-7862.

Seguimos juntas!